sexta-feira, junho 22, 2012

Organizemo-nos contra tendências monopolistas do espaço público da informação por interesses comerciais

A UNIVESP é a Universidade Virtual de São paulo (Brasil) Esta entrevista é de 2012. Robert Darnton, diretor da biblioteca de Harvard, fala sobre o futuro do livro num mundo que observa a massificação da internet e a popularização dos leitores eletrônicos. Autor de "A questão dos livros" e à frente da Digital Public Library of America, iniciativa que deve disponibilizar pela internet, e de graça 2 milhões de livros a partir de 2012, o historiador fala também do papel que as bibliotecas devem assumir num futuro próximo.

quinta-feira, junho 21, 2012

Monitor do MEC, 2012-2013


Foi publicado em 15.06.2012 o Monitor, instrumento de monitorização de medidas tomadas pelo MEC, Ministério da Educação e Ciência de Portugal.
Alguns excertos:

Em curso: Autonomização do Gabinete de Avaliação Educacional. Prevê-se que o GAVE se torne uma entidade autónoma e independente, com competência na avaliação externa da aprendizagem dos alunos, a partir de janeiro de 2013. (p. 4)


- A Iniciar: Programa «O Mundo na Escola»: Através de um conjunto de ações adequadas aos diferentes níveis de ensino, este programa fará chegar a todos conhecimentos, conceitos e obras fundamentais nas várias áreas da ciência e da cultura. Pretende-se: (...) - Aproximar a população escolar das instituições e dos  profissionais que trabalham no domínio da ciência, das artes e da literatura;
O ano letivo 2012/2013 será dedicado à Ciência, prevendo-se nos anos subsequentes dar continuidade ao programa abordando a Literatura, as Artes Plásticas, a Música, entre outras.
A Iniciar: Plano Nacional de Leitura:
- Preparação de uma seleta de clássicos da literatura portuguesa para o ano letivo 2012-2013, em articulação com a Secretaria de Estado da Cultura. Esta será divulgada na Rede de Bibliotecas Escolares e nas Bibliotecas Municipais;
- Seleção de um repertório de filmes a integrar num ciclo de cinema nas escolas dos diferentes níveis de ensino;
- Num trabalho conjunto com a Secretaria de Estado do Mar e com o projeto Portugal Oceano, o PNL dedicará a semana da leitura do ano letivo 2012/2013 ao tema Mar. (p. 8)


- Concluída: Análise da situação financeira da FCCN – Fundação para a Computação Científica Nacional:--Negociação com editoras internacionais dos contratos b-on em vigor, com poupança de cerca de 2 Milhões de Euros de OE em 2012. -- Proposta de um novo processo aquisitivo de conteúdos a serem disponibilizados via b-on a partir de 2013. (p. 13)



Ler mais aqui (17 p.)
Descarregável (pdf).

BIBLIOTECAR: "IMAGINARIA" PASSA A SER TAMBÉM UMA LIVRARIA ONLIN...

BIBLIOTECAR: "IMAGINARIA" PASSA A SER TAMBÉM UMA LIVRARIA ONLIN...: A revista online argentina Imaginaria divulga ativamente a literatura infanto juvenil desde 1999. Agora passou a ser uma 'porta' para a...

Biblioteca Pedro Ivo, Porto

Criada em 1951. Biblioteca Infantil Pedro Ivo (municipal), Porto.
Encerrada em 2001, nunca mais foi biblioteca até 2012
10 anos devoluta, 
enquanto as prioridades municipais eram ocupadas por outras coisas

Ocupada em 2012, limpa, arranjada, equipada e recheada com alguns livros, porta aberta.



Pessoal, os livros da Biblioteca Popular do Porto estão na Polícia Municipal, na Pasteleira. 
Quem tiver possibilidade de os ir buscar, por favor, façam-no, senão o mais provável é acabarem no  EcoPonto ao lado dos "resíduos sólidos" = estantes, cadeiras, sofás...
Por favor, venham rápido 
(mensagem no Facebook, 19.06.2012)

Nos últimos dias, foi ocupada uma pequena biblioteca pública abandonada no jardim do Marquês no Porto. Tanto quanto se pode perceber, o processo é o mesmo usado na Escola da Fontinha: um edifício público devoluto é ocupado pacificamente, não apenas por pessoas mas por actividades próximas às  projectadas originalmente para aquele local. Aulas, actividades recreativas, espaços de leitura, tudo pontuado por assembleias populares.
Desde há anos que se vão fechando escolas, centros de saúde, linhas de comboio, bibliotecas, cinemas, por todo o país mas especialmente nas periferias, argumentado a poupança e racionalização dos recursos, o excesso de despesa pública. O que sobrou é um deserto pontuado por concentrações de recursos aqui e ali, cada vez menos acessíveis a quem viva fora dos centros, tenha menos dinheiro ou disponibilidade para navegar a burocracia toda.

Ler mais aqui:
http://opiniao.porto24.pt/2012/06/20/a-biblioteca-popular-do-marques/


Numa altura em que a crise económica e, bem pior, uma crise identitária de valores se instaura um pouco por todo o mundo ocidental, nesta época de profunda desilusão, desmotivação e agravamento sistemático do poder de compra dos cidadãos e da sua qualidade de vida, urgem movimentos cívicos semelhantes. Os livros, e a sua vertente máxima, a cultura, sempre foram tidos desde a génese da cidade grega como instrumentos de formação cívica, de enriquecimento individual e pessoal.
Encerrar gratuitamente uma biblioteca é um dos actos mais tiranos perpetuados pelo poder instituído.

Ler mais aqui:
http://ressabiator.wordpress.com/2012/06/19/desironizar/

domingo, junho 10, 2012

10 de Junho de 2012. Portugal


"Começa a haver demasiados Portugais dentro de Portugal. Começa a haver demasiadas desigualdades. (...) Há sempre alternativas. A arrogância do pensamento inevtável é o contrário da liberdade. (...) O futuro está numa sociedade que se organiza com base no conhecimento. (...) Ou nos salvamos a nós, ou ninguém nos salva."
António Sampaio da Nóvoa, um quarto de hora de palavras certeiras, lúcidas, portuguesas
Lisboa, 10.06.2012 

sábado, junho 09, 2012

To reach the unreachable star



The Impossible Dream Lyrics - original de 1965. Elvis tem também uma outra inesquecível versão de 1971, disponível no Youtube

To dream the impossible dream
To fight the unbeatable foe
To bear the unbearable sorrow
To run where the brave dare not go

To right the un-rightable wrong
To be better far than you are
To try when your arms are too weary
The reach the unreachable star

This is my quest, to follow that star
No matter how hopeless,
No matter how far
To fight for the right
Without question or pause
To be willing to march into hell
For a heavenly cause

And I know if I'll only be true
To this glorious quest
That my heart will be peaceful and calm
When I'm laid to my rest

And the world would be better for this
That one man scorned and covered with scars
Still strove with his last ounce of courage
To reach the unreachable star

ALL BY MYSELF, EARTHA KITT



Quando lhe perguntam sobre homens e compromisso e amor, o olhar e o riso de Eartha valem tanto como as palavras



Gravação dos finais da década de 1970, interpretando a canção de Eric Carmen

quinta-feira, junho 07, 2012

Mestre


Notícia com humor, daqui 



Ray Bradbury deixou-nos, com 91 anos de idade e incontáveis leitores das suas obras. Inesquecíveis obras. A sua gargalhada, o fino humor, o amor à liberdade e à imaginação sempre me farão pensar melhor e viver melhor.




Desde o seu primeiro livro publicado em Portugal (O Mundo Marciano, na extraordinária coleção Argonauta da Livros do Brasil, 1954) até ao mais recente (creio que  O Regresso das Cinzas, da Europa-América, 2004), sempre teve leitores ávidos de todas as idades, que também acorreram aos filmes e séries televisivas inspirados nas suas obras. 


Brinquedos construídos a partir  do livro.  Daqui

Celebrating a lifetime of wonder and imagination (lema ilustrado no seu website).