sábado, abril 23, 2016

Guiomar de Grammont: Ler devia ser proibido





Guiomar de Grammont: Ler devia ser proibido - Portal Vermelho: A pensar fundo na questão, eu diria que ler devia ser proibido.
Afinal de contas, ler faz muito mal às pessoas: acorda os homens para realidades impossíveis, tornando-os incapazes de suportar o mundo insosso e ordinário em que vivem. A leitura induz à loucura, desloca o homem do humilde lugar que lhe fora destinado no corpo social.

Por Guiomar de Grammont*

quinta-feira, abril 21, 2016

Construir cidadania

 

Las 19 bibliotecas que forman BibloRed han sido, desde que surgió la red hace 15 años, un factor positivo en Bogotá: mejoraron el panorama urbano, les dieron a miles de personas el acceso al conocimiento y se constituyeron como espacios de construcción de ciudadanía.


La revolución de las bibliotecas en Bogotá

Jorge Palma, Sérgio Godinho - Dá-me Lume (Live)

segunda-feira, abril 18, 2016

dois minutos de uma conversa muito mais comprida

Folio Educa 2016 nos 500 anos da Utopia de Tomás More.
A Educação no coração das visões de desenvolvimento que sustente um futuro com dignidade.

sexta-feira, abril 15, 2016

Invocação da juventude - PÚBLICO

 

A metafísica da juventude, a ideia da juventude como uma categoria ética e do “espírito”, foi completamente abolida e o que ficou no lugar dela é o racionalismo dos velhos. Por isso já não há uma vida dos estudantes e até a vida da infância está a desaparecer. A tarefa política mais urgente seria a criação de movimentos de juventude para recusar com veemência a mutilação e a instrumentalização a que os jovens estão submetidos
António Guerreiro (não jovem)



Invocação da juventude - PÚBLICO

Filhos da Nação de 23 Mar 2016 - RTP Play - RTP

Leonor Teles

Ter ideias e coisas para dizer, e usar o cinema para isso. Meia hora de entrevista

Viva a liberdade.



Filhos da Nação de 23 Mar 2016 - RTP Play - RTP



Filhos da Nação de 23 Mar 2016 - RTP Play - RTP

Filhos da Nação de 23 Mar 2016 - RTP Play - RTP

Leonor Teles

Ter ideias e coisas para dizer, e usar o cinema para isso. Meia hora de entrevista

Viva a liberdade.



Filhos da Nação de 23 Mar 2016 - RTP Play - RTP



Filhos da Nação de 23 Mar 2016 - RTP Play - RTP

quarta-feira, abril 13, 2016

Expresso | A minha identificação? Sou uma mulher síria (um depoimento incrível)

 

Sou uma mulher síria. Não sou o Estado Islâmico ou Assad. O regime tirou-me o meu país e matou-me. O Estado Islâmico fez de mim sua escrava e fez de mim orfã. Eu fugi aos dois, mas afoguei-me no mar. Eu fugi aos dois, mas morri de calor, morri de frio, morri de doença e morri de fome, numa tenda de refugiados. Sou uma mulher síria. Tive de identificar os restos do meu filho, do meu irmão, do meu pai e do meu marido entre uma pilha de fotografias. Sou a mulher que continua a ser rejeitada pelo mundo inteiro, outra vez, e outra vez.




Expresso | A minha identificação? Sou uma mulher síria (um depoimento incrível)

sexta-feira, abril 08, 2016

Zenda

 Gabriel García Márquez. Foto: Daniel Mordzinski



'Gabo te espera a las 12' - Zenda: “Gabo te espera a las 12″. La voz de Mercedes Barcha era clara y rotunda. Eran las 9:30 del 29 de enero del 2010 y sentí una conmoción íntima y paradójicamente serena. Hacía más de quince años que había fotografiado a García Márquez por primera vez y hacía mucho que soñaba con retratarlo en su... Leer más

quarta-feira, abril 06, 2016

terça-feira, abril 05, 2016

Meg Rosoff ganha o Prémio ALMA Astrid Lindgren Memorial Award 2016

Meg Rosoff and daughter
A autora com a filha. Imagem daqui

Give a child an unpalatable truth and she will figure out a way to process it. But "protect" her and the ghosts will whisper in her ear.
Meg Rosoff 
Wook.pt - Em Nome do Amor


A Editorial Presença publicou em 2006 a tradução de How I live Now, com o título Em nome do amor. Trad. de Luísa Silva



Notícia daqui:

Meg Rosoff wins £430,000 Astrid Lindgren memorial award | Books | The Guardian



Notícia em português: http://www.dn.pt/artes/interior/meg-rosoff-vence-premio-internacional-alma-de-literatura-para-infancia-5111177.html


domingo, abril 03, 2016

Pelo puro pássaro no país do sável


"o portugal futuro é um país
aonde o puro pássaro é possível
e sobre o leito negro do asfalto da estrada
as profundas crianças desenharão a giz
esse peixe da infância que vem na enxurrada
e me parece que se chama sável
Mas desenhem elas o que desenharem
é essa a forma do meu país
e chamem elas o que lhe chamarem
portugal será e lá serei feliz
Poderá ser pequeno como este
ter a oeste o mar e a espanha a leste
tudo nele será novo desde os ramos à raiz
À sombra dos plátanos as crianças dançarão
e na avenida que houver à beira-mar
pode o tempo mudar será verão
Gostaria de ouvir as horas do relógio da matriz
mas isso era o passado e podia ser duro
edificar sobre ele o portugal futuro."
Ruy Belo